DIA DO BATMAN

ATÉ ONDE PODE CHEGAR UMA MENTE IMAGINATIVA QUANDO CONFRONTADA COM O SEGUINTE DILEMA: BATMAN (COM PREPARO) PODE TUDO?
14397405_10208582610855911_263877936_n
DIA 17/09 foi o “DIA DO BATMAN”. E produzimos um fanzine para tentar responder definitivamente um dos mais antigos debates no mundo dos quadrinhos: Porque é tão difícil aceitar que esse personagem seja derrotado?
BATMAN tem sido objeto de estudo em diversas áreas teóricas. Tecnologias são criadas unicamente para recriar seus feitos. Livros escritos a fim de entender a natureza humana através de suas aventuras. Tudo isso devido ao fascínio e influência que ele exerce no mundo.
Sua natureza representativa já passa pela religiosa marca da septuagésima década, um momento bíblico reservado a ascensão e queda do homem.

 Fazendo essa figura  transcender o mero status de personagem: Antes apenas um homem com recursos ilimitados, uma mágoa imensa e dedicado a se tornar “um reino de terror um homem só” . Agora uma representação máxima do antropocentrismo metalinguístico: O ser humano no centro de todas as coisas fantasiosas.

Entre todos os seres fantástico, Batman faz o simples fato de “ser humano” algo fantástico. Assisti-lo ser derrotado por outros seres fictícios não é uma tarefa fácil: Pois seria como aceitar a morte do espírito humano, da chama indomável que nunca desiste e que nas maiores adversidades resiste e renasce ainda mais forte para consumir o que tiver no caminho.

“Each time I enter the pit, I emerge reborn. Put the devil on the other side, and I will show up. Evolved. Adapted. And prepared. To fight.”

Batman a muito deixou de ser um personagem para se tornar um conceito: Batman é a ideia de que qualquer dificuldade pode ser superada pela própria natureza que a originou. E com essa dinâmica seus inimigos deixam de ser meros “coadjuvantes” para antagonizarem tudo aquilo que “ser Batman” representa.

Então nos encontramos no eterno confronto entre o conceito “Batman” e tudo aquilo que o desconstrói: O caos e a anarquia do coringa. A justiça dicotômica do duas caras. A corrupção criminosa do Pinguim…e assim por diante.

Por isso, para comemorar o BATMAN DAY resolvi posicionar o Batman contra os Vingadores. Sim! É algo que faço apenas por diversão…como tudo nos quadrinhos.

E como tudo nos quadrinhos acredito que seja “algo mais”.

Confira já esse delicioso delírio de fã em fora de quadrinhos!

logo.png
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: